A expressão Carreiras Múltiplas pode ser relativamente nova para você, mas sua presença em nossa vida é mais antiga que imaginamos. Arrisco dizer que convivemos com mais de uma carreira em nosso dia a dia desde o tempo da graduação.

 

Já parou para pensar quantas atividades profissionais podem ser incluídas no seu currículo? Eu, por exemplo, contabilizo seis carreiras diferentes em 21 anos de trabalho. Já fui repórter, assessora de imprensa, coordenadora de núcleo editorial, assessora política….

 

 

 

Ter mais de uma carreira profissional não significa mudar completamente de profissão. Você pode ser arquiteta e professora. Administradora de empresas e Consultora/Mentora. Empreendedora e jornalista. Mas, se você quiser, suas carreiras podem acontecer em áreas distintas.

 

O conceito Carreiras Múltiplas ganha cada vez mais espaço no mercado de trabalho a partir do momento em que buscamos atividades profissionais com mais propósito e significado. Nós, mulheres, tendemos a investir muito mais em nossa realização. É claro que as cobranças são maiores em relação aos homens, pois ainda vivemos em uma sociedade onde os direitos não são iguais em muitas profissões. Mas as mulheres sempre se destacam. Desenvolvemos habilidades com mais facilidade que eles. Pensamento crítico, adaptabilidade, criatividade e gestão do tempo, são algumas soft skills apontadas pelo Fórum Econômico Mundial como fundamentais para as carreiras nos próximos anos e são mais facilmente encontradas em nós.

 

Ainda precisamos avançar muitas casas no jogo das Carreiras Múltiplas (não é uma competição). Mas eu garanto que essa realidade estará cada vez mais presente em nossa vida e, com menos peso e cobranças, iremos dar conta de tudo. Quando é feito com propósito e significado, a gente consegue.

 

E aí, quantas identidades profissionais cabem em você?